Como vestir meu bebê no inverno

enter image description here

Antes de falarmos sobre como vestir o bebê no inverno, é importante entender de que forma eles lidam com a temperatura. Os recém-nascidos com até 15 dias, por exemplo, sentem mais frio do que os outros bebês e os adultos porque sua pele é mais sensível e eles ainda estão acostumados à temperatura quentinha da barriga das mamães.

Já após esse período, os recém-nascidos começam a amadurecer o seu sistema termorregulador, que é responsável por regular a temperatura do corpo conforme a temperatura ambiente. Porém, ainda precisam de algumas peças a mais que os adultos, característica que permanece até os seis meses de vida, quando, enfim, eles começam a sentir o frio da mesma forma que gente grande.

Até que o bebê complete seis meses de idade, o indicado é vesti-lo em camadas, um método fácil de controlar a temperatura. Além disso, o ideal é que ele sempre tenha uma camada a mais de roupa do que os adultos. Por exemplo, se a mamãe está vestindo uma camiseta, o pequeno pode vestir uma peça de manga longa. Já se a mamãe está de manga longa, o bebê deve usar um casaquinho a mais.

Em um clima mais ameno, por exemplo, você pode vestir o bebê com um body de manga curta ou longa e um culote.

Já se a temperatura estiver mais baixa, você pode acrescentar uma camada a mais de roupa, vestindo o bebê com um macacão sobre o body e o culote.

Agora, se o frio estiver intenso mesmo, vale colocar mais um casaquinho sobre o macacão, como cardigans de suedine, um tecido de algodão que é mais grosso e quentinho.

Conheça a Melhor Loja de Roupa para Bebê em Santo André.

Para dormir, vale a mesma regra: uma camada de roupas a mais que os adultos. O ideal é não cobrir o pequeno com mantas ou outros tipos de cobertas durante a noite para evitar sufocamento. Se você quiser garantir mais proteção contra o frio na hora do sono, pode optar pelo saco de dormir, que é mais seguro e confortável.

Durante o dia ou à noite, você ainda pode complementar o look do bebê com luvinhas, meias e touca, mas é sempre importante verificar se realmente há essa necessidade para que o pequeno não acabe passando calor.

Saiba mais como vestir seu bebê no inverno acessando o Google.

Quando o bebê está com calor, por exemplo, ele fica com as bochechas vermelhas e com os cabelos próximos da nuca molhados. O pequeno também pode ficar irritado e transpirar demais. Já se estiver com frio, a criança fica mais gelada. Nesse sentido, o ideal é analisar o tórax: se essa parte do corpo estiver gelada, é sinal de que o bebê realmente está com frio.

Se você notar alguma situação como essa, retire ou acrescente uma camada de roupas, de acordo com o sinal que o bebê está apresentando. Depois disso, aguarde 30 minutos e verifique se ele está mais confortável ou se o sinal de frio ou calor continua. Esse acompanhamento é essencial para não errar ao vestir as crianças!

Entenda o que é uma creche de cachorro

enter image description here

O Hotel para Cachorro em Santo André é um serviço que cuida do seu bichinho enquanto você está ausente. São locais com pessoas que se dispõem a dar carinho, entretenimento e fazer companhia. É uma alternativa criada para ajudar tutores, seja qual for a sua necessidade, a oferecer mais atenção aos seus filhos caninos.

Os benefícios são mútuos para as famílias multiespécie. Para os tutores, a grande vantagem é que os cachorros são estimulados física e cognitivamente. Portanto, costumam ficar mais tranquilos e até melhorar questões de comportamento que podem ocorrer por estresse e ansiedade – muito comuns em animais que passam muitas horas sozinhos.

Para os cães, a melhor parte é que as creches ajudam a suprir necessidades essenciais, compreendendo os aspectos mentais, físicos e sociais. Além de propiciar que eles exerçam alguns comportamentos naturais da espécie.

E quais seriam esses comportamentos naturais? Acertou quem disse: correr, caçar, buscar, cavar, destruir, nadar, pular, se esconder, brincar, forragear, explorar, cheirar, socializar, entre outros.

Alguns destes comportamentos conseguimos incluir no nosso dia a dia, em passeios ou até mesmo em casa com enriquecimento ambiental. Mas como muitos tutores não têm tanto tempo disponível, as creches costumam ser uma ótima alternativa.

Todo cão pode frequentar? Tenha em mente que nem todo cachorro tem a indicação de frequentar uma creche, já que alguns não se sentem bem no local, seja por problemas como ansiedade de separação ou agressividade ou, ainda, por não terem tido uma boa socialização com cães ou outras pessoas.

Saiba mais sobre Hotel e Creche para Cachorros acessando o site do Google.

Uma dica importante: evite creches que não fazem avaliação comportamental antes de colocar seu pet com os demais. Essa avaliação é um processo de triagem indispensável porque identifica quais comportamentos o cão apresenta longe do tutor, no espaço da avaliação, em contato com os monitores.

Também quando têm brinquedos e uma possível disputa de recursos e, principalmente, como se relaciona com os outros animais. É comum você também precisar responder algumas perguntas sobre o histórico do animal.

A adaptação deve ser feita de forma gradativa e supervisionada e a quantidade de dias da semana que o cão irá frequentar a creche depende muito do perfil dele – o mais comum é que o período seja de dois ou três dias na semana. É importante pesquisar para escolher uma com boa infraestrutura, segurança, conhecimento técnico e rotina adequada.

A creche não pode ser só um espaço grande com vários cães. Se não tiver o empenho da equipe em trazer possibilidades de atividades, estímulos e conhecimento técnico, é só um quintal cheio de animais. Não traz grandes benefícios e pode, inclusive, ser estressante e ser um ambiente de brigas.

Em caso de seu cachorro não ser considerado apto, não fique chateado, está aí a oportunidade de entender melhor sobre a saúde comportamental de seu companheiro. Procure ajuda profissional de um educador pet e ele irá preparar o seu cão para que possa frequentar o espaço.

Boas creches deixam o “cão ser cão”. Também têm atividades que ajudam a gastar aquela energia acumulada. Com uma rotina divertida e estimulante, seu cão vai ser mais equilibrado e alegre.

Quais as vantagens de deixar seu cãozinho em nossa Creche para cachorro, em Santo André? Ao utilizar a nossa creche de cachorro, você terá inúmeras vantagens como cuidado prolongado, menos preocupação, saúde, garantia veterinária e socialização.

Por que ir em uma barbearia?

enter image description here

A preocupação com a aparência e a vaidade sempre esteve presente na vida da maioria das pessoas. Seguidamente, entramos em um salão de beleza ou em uma barbearia da cidade para aparar o cabelo, cortar as pontas dos fios e até mesmo para mudar completamente o visual.

Ter ajuda em algo que pode ser feito sozinho é algo que fere o orgulho de muitos homens. Mas, se você resolver aparar a própria barba e algo der errado, é provável que você tenha que raspar tudo - e perder todo o trabalho que teve para deixá-la crescer.

Tirar aqueles pelos que nascem no pescoço ou que não saem da boca pode não ser tão difícil. Porém, arrumar o comprimento e alinhar a barba são tarefas arriscadas. Ir a um barbeiro é a melhor opção! Além disso, as barbearias modernas abandonam aquela impressão de ser um local só para cortar barba e cabelo.

A era pós-moderna mudou muito o estilo das barbearias, os produtos e o visual das pessoas também não é o mesmo. Não faz tanto tempo que apareceu um novo conceito no ramo. Assim como as mulheres possuem alguns salões exclusivos para cuidar da beleza, os homens podem entrar em um Barber Shop. Nestes espaços, o cliente pode cortar o cabelo, retocar a barba e usufruir opções de compra de produtos e entretenimento.

Conheça a melhor Barbearia em Santo André

Conheça 6 razões para ir a uma barbearia:

Cervejas especiais O ambiente de uma barbearia é totalmente masculino. Por isso, para atrair novos clientes (e conservar os antigos), muitas investem naquilo que os homens mais gostam: chope e cerveja. Equipadas com freezers e chopeiras, elas chegam a servir bebidas artesanais e estrangeiras. Algumas possuem bares integrados e servem até petiscos e porções.

Corte com técnica O profissional fez cursos, treinou e hoje ele sabe como não acabar a barba do cliente. O barbeiro não só consegue deixá-la no comprimento desejado, como também a alinha com navalha - o que torna o corte mais duradouro.

Jogar enquanto espera Algumas barbearias não exigem que o cliente marque um horário, e por isso, têm filas de espera. Mas esse não é motivo para não frequentá-las. Pelo contrário, muitas delas são equipadas com vídeo games, pebolim e até mesa de bilhar, que podem ser usadas para por fim ao tédio da espera ou para entreter o filho enquanto você corta a barba e toma uma cerveja.

Conheça o melhor Barbeiro em Santo André

Bater um papo Gostar de contar histórias é quase um requisito para ser barbeiro. Mas, antes mesmo de ser atendido também é possível ter um bom papo. Jogar uma partida de futebol ou sinuca com outras pessoas pode render boas conversas.

Comprar cosméticos Encontrar produtos para a barba é mesmo um desafio para os barbudos. Difíceis de serem encontrados em lojas físicas, itens como óleo, cera e balm costumam ser comercializados em barbearias.

Ter dicas do especialista Nem todo barbudo sabe quais são as funções dos produtos para barba. Para não comprar nada errado, os próprios barbeiros explicam as funções dos cosméticos e de como usá-los de acordo com sua barba. Além disso, eles também costumam dar dicas de como dar uma leve aparada na barba, sem correr riscos de assassiná-la.

Para saber mais sobre Barbearias acesse o site do Google.

Assistir a um jogo de futebol O futebol é uma das coisas que mais movem a paixão dos homens – e as barbearias sabem disso. Para deixar o cliente “em casa”, muitas transmitem as principais partidas das competições europeias e brasileiras. Em algumas, toda a temática é voltada para o mundo da bola.

As barbearias modernas oferecem muito mais do que cortes de cabelo e barba. Além dos cuidados com o visual, os clientes buscam por entretenimento.

6 dicas para escolher os móveis certos para decorar ambientes pequenos

enter image description here

Decorar um apartamento pequeno precisa ser muito bem pensado, para conseguir otimizar ao máximo os espaços, ter uma casa bonita, confortável e bem funcional. É comum a gente ficar totalmente perdida na hora de fazer a decoração, pois a sensação que temos é que não vamos conseguir encaixar nossos móveis e objetos decorativos em nenhum espaço compacto.

E pensando em você que está com dificuldades para encontrar os móveis certos para sua decoração resolvemos trazer dicas que com certeza vão te ajudar muito.

Conheça a melhor loja de móveis em santo andré

  1. Metragem dos cômodos e dos móveis

Uma das primeiras coisas que você pode fazer é medir e anotar o tamanho de cada cômodo. Assim vai conseguir planejar quanto de espaço cada móvel vai utilizar.

Dica: Cole fita branca no chão do tamanho dos móveis ou recorte um papelão do tamanho que eles ocupam para simulá-los na mudança do ambiente. Assim, terá uma noção mais consciente do espaço ocupado.

  1. Menos é mais

Quem mora em espaços pequenos deve praticar o desapego! Aqui cada móvel deve ser muito bem pensado e, o principal, a função de cada um dentro da dinâmica e rotina da pessoa ou da família.

Você precisa se atentar aos detalhes e fazer escolhas mais cautelosas. Sempre priorizando o conforto e o espaço que você tem. Por isso mesmo, aquele primeiro passo em que você mede o ambiente é fundamental!

  1. Ambientes integrados

São inúmeras as possíveis combinações de ambientes pequenos integrados, pequenos, bonitos e confortáveis. Basta apostar também na sua criatividade!

Isso tudo, não significa que sua casa não vai ter privacidade. Porque você pode apostar em painéis de madeira, ou até mesmo portas de correr – que não ocupam espaço, e permitem que você integre os dois ambientes facilmente.

Não tem como falar de decoração para ambientes compactos sem citar os espelhos e a iluminação. Confere nossas dicas:

Para saber mais sobre móveis e decoração, acesse o site do Google.

  1. Espelhos oferece maior amplitude ao espaço

Aplicados estrategicamente os espelhos conseguem dobrar o tamanho do local – ou ao menos, causar essa impressão.

É muito comum nas salas e quartos, por exemplo. Para conseguir o efeito, você pode aplicar espelhos em uma parede que reflita um cômodo.

O mesmo vale para portas de vidro que permitem ver o outro cômodo – que ajudam a aumentar a sensação de espaço – são excelentes para quem busca por opções para tornar o ambiente pequeno mais aconchegante e não claustrofóbico!

  1. A iluminação pode transformar o ambiente

A luz valoriza o espaço! Ela traz aconchego e amplia espaços.

Tipos de Luzes:

Luz Branca - Se assemelha a luz natural e está ligada aos ambientes de trabalho como: cozinhas, banheiros, escritórios e lavanderias.

Luz Amarela - É mais quente, por isso mais aconchegante. Ideal para quartos, salas de estar.

A Luz Branca é indicada para ambientes de trabalho, pois se assemelha a luz natural. Já a amarela é usada em quartos e sala de estar, pois o objetivo é relaxar e trazer aconchego.

Em locais pequenos e integrados, o ideal é investir em dois interruptores. Um para a luz branca e outro para a luz amarela.

Por exemplo, se no seu apartamento tem a lavanderia integrada com a cozinha, dois ambientes de trabalho, então a melhor opção é a luz branca.

Mas se o caso for um quarto com home office, a dica é utilizar a branca centralizada para as horas de trabalho e a amarela nos cantos, para a hora do descanso. Ou então a amarela centralizada e apenas pendente de luz branca na escrivaninha.

  1. Móveis funcionais Nos ambientes pequenos, estes tipos de móveis fazem uma grande diferença! A ideia aqui é escolher móveis que são úteis, bonitos e – o principal – confortáveis.

Uma pesquisa breve na internet e encontramos diversos móveis com mais de uma função. Uma ideia prática e compacta, que facilita a organização no dia a dia.

Viu?! É possível viver em poucos metros sem deixar o conforto. Basta algumas medidas, bom senso, pitadas de criatividade e você tem um cantinho funcional e bem aproveitado.

Boas Experiências em Hostels em Búzios

enter image description here

Quando Você Começ Uma Boa Experiência Do Hotel, Você Será Satisfeito!

Não há nada pior do que ter férias arruinadas por péssimas acomodações em hotéis. Muitas vezes, isso é devido ao mau planejamento. Você pode evitar problemas comuns. Este artigo lhe dará dicas de como planejar suas acomodações no hotel corretamente para que ele melhore sua experiência de férias.

Conheça a melhor hospedagem barata em buzios

Para minimizar as suas despesas de viagem quando estiver hospedado perto de uma área de Resort como o Walt Disney World, escolha um hotel que oferece um serviço de transporte gratuito para as atracções nas proximidades. Neste tipo de área, você não deve precisar alugar um carro. Em vez disso, use um táxi para chegar ao seu hotel e, em seguida, use o ônibus para desfrutar da diversão.

Quando você está hospedado em um hotel, é uma boa idéia para deixar uma pequena dica para a equipe de limpeza. É melhor dar gorjeta diariamente, em vez de esperar até que toda a viagem tenha chegado ao fim, uma vez que há uma chance de que a mesma pessoa não estará ajudando você todos os dias.

Use precauções sensatas de segurança quando você ficar em um hotel. Descubra onde todas as saídas de incêndio estão em caso de emergência. Também, anote onde os extintores de fogo próximos estão ficados situados. Se você tiver qualquer valor, mantê-los no cofre na mesa ou no quarto.

Conheça o melhor hostel em buzios

Para manter sua água potável limpa em um quarto de Hotel, enxágüe para fora seus vidros bebendo, mesmo se há uma tampa de papel ou um envolvimento plástico em torno dele. A poeira e os restos do plástico podem assentar no vidro, conduzindo a um primeiro gole desagradável. Tomar o tempo para enxaguá-lo para fora fará sua experiência melhor.

Para saber mais sobre Hoteis, acesse o site do Google.

Certifique-se de verificar com qualquer organização de que você é um membro. Alguns oferecem grandes descontos em quartos de Hotel. Alguns destes descontos podem ser consideravelmente substanciais, mas muitos povos não se aproveitam deles. Se a sua estadia será para várias noites, estes descontos podem poupar muito dinheiro. Isto acrescenta-se a uma noite de estadia que é quase livre.

Se você é um membro de um programa de passageiro frequente ou viaja muito, tente ingressar em um programa de fidelidade do hotel. Você pode ganhar pontos e usá-los em direção às suas próximas estadias. Você também pode ganhar milhas aéreas se o Hotel é um parceiro de um programa de passageiro frequente. Verifique o site da companhia aérea ou do hotel para ver o que você está qualificado.

Para evitar ter que ferro suas camisas quando você desempacotar tudo em seu quarto de Hotel, embale suas camisas do Polo e do vestido mais com cuidado. Use um saco de suspensão, e empilhe suas camisas de vestido junto. Então, começando com a camisa na parte de trás, trazer os braços ao redor, empilhando os braços e envolvê-los em torno mantém suas camisas no lugar.

Percevejos se tornaram um problema nos hotéis nos últimos anos, então ao entrar em seu quarto de hotel, verifique se há sinais desses bichos. Verifique se há manchas na cama e atrás das paredes. Se você notar qualquer sinal que aponte para a possível presença de percevejos, solicite um quarto diferente. Percevejos podem viajar para casa com você em sua bagagem, causando uma infestação indesejada em sua casa.

Pode ser difícil saber como selecionar bons hotéis. Aderir a um clube de viagens pode ser uma escolha muito inteligente se você fizer um monte de viajar. O seu clube de viagens irá fornecer-lhe materiais de guia de Hotel. Os representantes podem responder às suas perguntas, ajudá-lo a escolher Hotéis e até mesmo ajudá-lo a planejar e reservar suas reservas.

Não deixe que acomodações ruins de hotel arruinem suas próximas férias. Lembre-se do que leu aqui e aplique o que aprendeu. Você pode evitar muitos problemas comuns associados a hotéis se seguir este conselho. Não se esqueça disso, e você e sua família terão uma ótima experiência no hotel.

O que é desdobramento de ações?

O que é desdobramento de ações e o que isso significa para você?

As desdobramentos de ações acontecem de vez em quando, por isso é importante para nós, como investidores, entender o que elas significam e como podem impactar nossas decisões de investimento. 

Considere este um curso intensivo para desdobramentos de ações. Vamos começar.

Índice

  1. O que é uma divisão de ações?
  2. O que acontece quando um estoque se divide?
  3. Por que as ações se dividem?
  4. Tipos de desdobramento de ações
  5. O que significa uma divisão reversa de ações
  6. Warren Buffett sobre Stock Splits

Divisões de ações podem enganar

Digamos que você esteja interessado em investir em uma empresa e esteja esperando que o preço caia para o seu “preço de compra” para obter um ótimo retorno do seu investimento. Um dia, você acorda e vê que o preço das ações daquela empresa está pela metade do que era antes. Então, você puxa o gatilho e COMPRA!

Soa familiar? Bem, esta NÃO é uma jogada inteligente.

Quando uma empresa decide fazer um desdobramento de ações, o preço de suas ações pode muito bem estar à venda um dia pela metade do preço do dia anterior.

Se você não estiver prestando atenção, pode não perceber que é tão caro - senão mais - do que era antes do desdobramento das ações e compra pelo preço errado. Na realidade, o novo preço mais baixo das ações de uma empresa depois que ela sofre um desdobramento não tem nada a ver com seu valor real.

O que é uma divisão de ações? 

Um desdobramento de ações ocorre quando uma empresa decide trocar mais ações de suas ações a um preço mais baixo pelas ações existentes dos acionistas. 

Então, o que acontece com o preço de uma ação quando ela se divide?  

Nada, na verdade, embora pareça que algo grande aconteceu. Os desdobramentos de ações não alteram o valor de mercado , que é o preço de mercado da ação em um determinado dia multiplicado por todas as ações, ou o preço de etiqueta de uma ação de um único centavo. Nem um centavo. Tudo o que um desdobramento de ações faz é alterar o número de ações e o preço por ação. Repito: isso não altera o valor total de todas essas ações nem em um centavo.

Pense desta forma: se você tivesse uma pizza originalmente cortada em 4 pedaços, agora cortada em 8 pedaços, o valor real da pizza não muda. 

Aprenda a encontrar, avaliar e investir em empresas maravilhosas.

Baixe minha lista de verificação de 5 etapas para escolher estoques

O que acontece quando um estoque se divide?

Digamos que a Starbucks esteja sendo vendida por US $ 100.

O preço de $ 100 por ação significa que a Starbucks está sendo avaliada pelo Sr. Mercado a um preço total de $ 100 vezes todas as ações da Starbucks que estão disponíveis.

A Starbucks tem mais de um bilhão de ações que pertencem a investidores, mas para facilitar as contas, vamos chamá-lo de um bilhão par. A capitalização de mercado da Starbucks neste dia seria de US $ 100 bilhões.

Em seguida, a Starbucks anuncia um desdobramento de ações.

Depois que a negociação termina no dia do anúncio, os contadores da Starbucks emitem duas novas ações da Starbucks para cada acionista em troca de uma de suas ações antigas.

A empresa de repente não tem mais 1 bilhão de ações. Agora tem 2 bilhões de ações. Nada de mágico aconteceu, no entanto. Tudo o que aconteceu é que a Starbucks pegou aquele 1 bilhão de ações e emitiu 2 bilhões de ações em substituição.

O valor da Starbucks mudou? Não. O mercado de repente reavaliou cada ação da Starbucks porque agora eles têm muito mais ações lá fora? sim.

No próximo dia de negociação, o preço de mercado da Starbucks será de cerca de US $ 50 por ação. O preço é reduzido pela metade porque o valor do negócio não mudou nada apenas porque a administração dividiu o estoque.

Portanto, se o negócio ainda vale 100 bilhões, o preço por ação tem que ser a metade do que era antes do desdobramento para manter o valor de mercado total igual. 

Um desdobramento de ações não muda o negócio de forma alguma. Tudo o que acontece é que o preço por ação muda para se ajustar às novas ações que foram introduzidas.

Por que as ações se dividem? 

Então, por que, se a divisão das ações não altera a capitalização de mercado ou o valor do negócio em nem um centavo, o CEO da Starbucks se dá ao trabalho de jogar esse pequeno jogo de contabilidade?

Por um e apenas um motivo: um preço mais baixo das ações torna mais fácil negociar porque as ações se tornam mais acessíveis para investidores interessados que podem ter perdido o preço de comprá-las no passado.

Os preços mais baixos facilitam a localização de compradores do que os preços mais altos.

Quando o preço de uma ação ultrapassa US $ 100, as pessoas começam a considerá-lo "caro", embora o preço da ação não tenha nenhuma relação com a capitalização de mercado real do negócio.

Um negócio que vale $ 1 milhão vale $ 1 milhão quer haja uma ação valendo $ 1 milhão ou 1000 ações valendo $ 1000 cada ou 1 milhão de ações valendo $ 1 cada.

Mas quantos compradores existem para uma única ação no valor de US $ 1 milhão? Não muitos. Digamos que haja um comprador.

O proprietário dessa única ação pode ter que aceitar uma oferta muito menor simplesmente porque há apenas um comprador. Mas se houvesse um milhão de ações a US $ 1, pode haver muitos compradores. Os preços das ações mais baixos tornam a negociação mais fácil, o que torna mais negociações.

Freqüentemente, mais negociações resultam em preços de ações mais altos.

 

O que é a Tradução Simultânea?

A comunicação é fundamental no mundo dos negócios. Mas, às vezes, as barreiras do idioma podem criar desafios assustadores para agências governamentais e empresas internacionais. Um dos métodos de comunicação mais eficientes vem da interpretação simultânea.

Então, o que é interpretação simultânea e o que ela faz?

Simplificando, a interpretação simultânea ocorre enquanto outra pessoa está falando. O intérprete está fornecendo traduções em tempo real para uma pessoa ou pessoas, fazendo o seu melhor para retratar com precisão cada palavra que o locutor original está dizendo. Alguns acham isso um desafio devido à natureza rápida desse empreendimento. É preciso fornecer traduções até o segundo, continuando a ouvir o palestrante e fornecer uma interpretação ininterrupta. Esse desafio soa mais verdadeiro nos casos de interpretação simultânea extemporânea, em que o intérprete agora sabe a mensagem que estará traduzindo até ouvi-la.

A interpretação simultânea sussurrada é a forma mais antiga e comum de SI. O intérprete mantém a voz baixa para que o locutor original não seja perturbado. O nome é um pouco enganador, já que o intérprete geralmente não sussurra, pois é difícil de ouvir e manter em voz alta com o tempo. Em vez disso, o tradutor geralmente fala em um volume baixo. Equipamentos eletrônicos portáteis tornaram esse método mais fácil ao longo do tempo, mas se esses luxos não estiverem presentes, esse método pode acomodar um ou dois indivíduos.

O uso de dispositivos eletrônicos ajudou a facilitar esse processo, que surgiu pela primeira vez no mundo como parte dos julgamentos de Nuremberg de 1945. Essa forma de comunicação passou a ser conhecida como comunicação simultânea extempore. O Julgamento de Nuremberg apresentou quatro idiomas oficiais, e o uso dessa nova tecnologia tornou-se vital para o processo. A tecnologia foi uma criação conjunta de quase 20 anos antes e surgiu das mentes do americano Edward Filene e do engenheiro britânico Alan Gordon Finlay.

A interpretação simultânea, embora às vezes desafiadora, é um dos métodos de interpretação mais eficazes que existem hoje. Seu fluxo contínuo economiza tempo e esforço, em oposição à interpretação consecutiva, na qual o locutor faz uma pausa para dar aos intérpretes tempo para traduzir.

 

Por que treinar seu cachorro

No passado, as pessoas seguiam a ideia de que a única maneira de treinar seu cão era por meio de comandos e treinamento de obediência. Mais ainda, por meio de técnicas agressivas ou de mão pesada que eram baseadas na punição, e não no reforço positivo. Além disso, era algo que as pessoas acreditavam que só poderia ser feito por meio de um profissional e, embora isso possa ser parcialmente verdadeiro, hoje existem muitas novas crenças e técnicas disponíveis para o público em geral que os novos donos de cães podem aprender, o que lhes permite tomar sobre a responsabilidade de treinar seu próprio cão.

Não quer dizer que contratar um profissional não tenha valor. Realmente é, especialmente se o seu cão está tendo problemas comportamentais graves que você pode parecer rachar.

No entanto, nos últimos anos, tem havido uma evolução no treinamento de cães que se afastou de técnicas agressivas baseadas em punições e passou a adotar uma filosofia mais leve e positiva que foca e recompensa o bom comportamento.

Aqui está o que sabemos com certeza ...

Um cão bem treinado e com comportamento adequado é um cão que todos amam e querem ter por perto. É um filhote que nos dá o amor incondicional e o apoio que desejamos de seus cães e é um cão seguro, respeitoso e que escuta.

Há uma variedade de ótimas razões pelas quais você deve treinar seu cão, então vamos explorar algumas delas.

# 1 - Para construir um relacionamento positivo e mais forte

Treinar seu cão ajuda a construir relacionamentos positivos desde o início. Isso ajuda você a entender como seu cão aprende e usa os princípios do treinamento positivo para ensiná-los com eficácia o certo do errado, o bom e o ruim. Esse tipo de método de treinamento gera confiança, em vez de punir seu cão. Lembre-se de que os cães não têm quase a capacidade intelectual dos humanos. Quando você fica agressivo com eles e tenta controlá-los usando a força, eles se retraem, ficando com medo e medo. Usando o reforço positivo, você treina seu cão para se tornar mais aberto, feliz, amoroso, tolerante e autocontrolado. Quando você recompensa comportamentos positivos usando guloseimas de treinamento de cães, você terá um filhote muito mais bem-comportado.

# 2 - Treinar seu cão ensina habilidades para a vida

Os humanos não são as únicas criaturas que precisam de educação e escolaridade. Todo cão também precisa de treinamento sobre como navegar em seu relacionamento com os humanos e como respeitar o ambiente doméstico. Enquanto os cães que vivem o estilo de vida doméstico parecem ter mais facilidade do que aqueles que vivem em condições selvagens, viver com humanos e em um ambiente humano traz seus próprios desafios e curvas de aprendizado.

Parte do motivo pelo qual você deseja treinar seu cão é porque isso fornece estímulo mental que abordaremos mais adiante neste artigo. Esse estímulo mental junto com o exercício físico que vem junto com o treinamento lhes dá a oportunidade de se adaptar, aprender e crescer. Isso também ajuda a mitigar comportamentos indesejados, como mastigação destrutiva, latidos inadequados e tendências agressivas.

Parte do que torna o treinamento do seu cão um sucesso e o ensino das habilidades de vida de que precisam é criar um ambiente adequado para o aprendizado. Por exemplo, se você sabe que seu cão tem mais tendência para o medo e fica ansioso quando novos rostos ou estranhos entram em casa, talvez configure um portão para bebês para permitir que eles observem de uma distância segura enquanto se sentem protegidos atrás do portão. Se acontecer de seu cachorro ficar muito animado quando as pessoas vierem, ensine-os a cumprimentar sem pular.

Compreender a personalidade do seu cão e seu temperamento em certas situações sociais permite que você adapte o ambiente e um estilo de treinamento profissional às suas necessidades.

# 3 - O treinamento do cão aumenta a sociabilidade do seu cão

A socialização é uma parte muito importante do seu processo de crescimento e aprendizagem. Aumentar o prazer do seu cão em situações sociais dará a ele a confiança para lidar com situações e encontros variados à medida que envelhecem e se tornam adultos. Além disso, você quer ter certeza de que seu cão se comporta bem quando se trata de levá-lo para passear com outros cães, pessoas e estranhos. Ao treiná-los desde o início e ajudá-los a desenvolver habilidades sociais naturais, eles ficarão menos propensos a ansiedade e desconforto no futuro.

Para pintar um quadro, imagine ser educado em casa toda a sua vida e nunca receber muito treinamento social e, então, ser jogado no ensino médio. É um choque geral e provavelmente será difícil de copiar. O mesmo pode ser dito sobre o treinamento social para seu filhote. Se o seu cão não parece interagir bem com os outros, não os force. Nem todos os cães amam pessoas, mas saiba que isso se aplica à maioria dos donos de cães.

Ao levá-los para passear e apresentá-los a novas pessoas e novos ambientes, fique de olho em como seu cão lida com a situação para que você possa entender melhor como ajudá-los a superar isso e se desenvolver.

# 4 - O treinamento profissional de cães ajuda a evitar problemas comportamentais

Treinar seu cão certamente não acontece durante a noite. É uma construção de comunicação ao longo do tempo entre você e seu filhote. Quanto mais tempo você investir no treinamento de seu cão, mais segurança e conforto você encontrará em seu relacionamento. Além disso, você descobrirá que quanto mais bem treinado seu filhote se torna, menos problemas comportamentais você notará no mundo humano.

# 5 - Treinar corretamente seu cão cria lealdade e companheirismo

Treinar adequadamente seu cão cria um forte vínculo baseado na confiança e companheirismo. Seu cão realmente anseia por uma conexão amorosa positiva entre você e ela. Construir um vínculo por meio de reforço positivo, treinamento, amor e compaixão está sendo considerado muito mais eficaz do que o treinamento de agressão e técnicas de punição. Se você está procurando dicas sobre o treinamento de cães mais velhos, descobrir que seguir esse modelo de treinamento de reforço positivo também é mais eficaz. Usar guloseimas de treinamento de cães e reconhecimento positivo para quando seu filhote faz as coisas certas irá construir um relacionamento baseado na confiança e lealdade.

COMO ESCOLHER O MELHOR PARCEIRO DE BPO PARA O SEU NEGÓCIO

Assim como os demais serviços terceirizados, o parceiro de BPO oferece aos seus clientes maior flexibilidade no desempenho de suas atividades.

Isso é possível pois, tanto as funções administrativas como as não essenciais podem ser realizadas pela empresa terceirizada.

Permitindo que sua dedicação esteja voltada para as atividades prioritárias para o seu negócio, como o relacionamento com os clientes, excelência profissional e liderança dos produtos.

Contudo, para a melhor escolha do parceiro de BPO, dentre outras coisas, é essencial que haja confiança nessa relação.

Fique conosco e saiba o que mais deverá ser avaliado para que sua escolha seja assertiva.

BPO: O que é? O que pode fazer pela sua empresa?

Basicamente, o BPO (Business Process Outsourcing), que pode ser traduzido como a Terceirização de Processos de Negócio.

É uma ferramenta utilizada pelas empresas que preferem delegar as atividades que não fazem parte do objetivo principal de seu negócio, para que sejam executadas pelo seu parceiro de BPO.

Um bom exemplo de BPO, é o serviço de telemarketing, que normalmente é desenvolvido por um call center terceirizado, que as empresas contratam para conquistar clientes em potencial, ou fidelizar os já existentes.

São incontáveis os trabalhos que podem ser terceirizados, como: marketing, contabilidade, finanças, processamento de dados, entre outros.

As empresas de contabilidade, por exemplo, podem se beneficiar muito com o BPO financeiro, passando para seu parceiro as seguintes demandas:

  • Fluxo e fechamento de caixa;
  • Conciliação bancária;
  • Emissão de notas fiscais;
  • Elaboração de relatórios financeiros;
  • Análise de desempenho;
  • Auditorias financeiras e administrativas.

Vantagens do BPO para seu empreendimento

Certamente, a eficiência e agilidade na realização dos processos, vai permitir maior empenho nas atividades essenciais, que colocarão sua empresa em melhores condições de competitividade no mercado em que atua.

Logo, a escolha de um parceiro de BPO de confiança, garantirá a conquista dos seguintes benefícios para o seu empreendimento:

● Maior economia do tempo; ● Assessoria de especialistas; ● Constante atualização; ● Acesso a meios tecnológicos avançados; ● Maior segurança, principalmente com documentos confidenciais; ● Foco nas atividades.

Escolhendo seu parceiro de BPO

Embora pareça uma tarefa simples, a escolha do seu parceiro de BPO, deve ser muito bem analisada.

Considerando que, existem informações e documentos sigilosos, não é uma decisão inteligente delegar determinados serviços a uma empresa que não transmite confiança.

Para evitar futuros transtornos, faça uma pesquisa criteriosa acerca da credibilidade da empresa de BPO, que atende negócios do seu segmento.

Avalie a quantidade de projetos com os quais já trabalharam e quais seus principais clientes.

Uma boa dica é acessar o site, já que lá devem constar informações relevantes quanto aos serviços oferecidos.

Mesmo que não seja possível aprofundar nos detalhes reais, devido ao contrato de privacidade, você pode contactar clientes ou ex-clientes da empresa avaliada.

Assim, saberá se possuem competência e experiência para lidar lidar com os desafios, oferecendo soluções adequadas para a resolução de problemas.

Vale ressaltar ainda, que é fundamental desenvolver uma boa comunicação, para que assim, o parceiro de BPO conheça melhor seu negócio.

De tal forma que consiga traçar uma estratégia eficiente para a realização das atividades, com o intuito de apresentar melhores resultados para sua empresa.

Conclusão

Portanto, o parceiro de BPO, se bem escolhido, possibilita que todas as atividades da sua empresa sejam desenvolvidas em tempo hábil.

Mas também, atendendo a todas as exigências legais, permitindo que volte seus esforços para as questões práticas do seu negócio. Afinal, ao delegar funções não essenciais, mas importantes para o crescimento da sua empresa, terá maiores chances de expandir seus negócios.

Dessa forma, não ficará sobrecarregado com questões que poderiam ser resolvidas por terceiros e voltar seus esforços para ações que dependem de sua orientação e cuidado.

5 Dicas de Decoração para Sua Cozinha

A cozinha é um dos ambientes onde a família e amigos gostam de se reunir, não apenas para fazer as refeições, mas para conversar, e por isso mesmo que deve ser prática e acolhedora.

Só que, às vezes, as pessoas ficam em dúvida quando o assunto é decoração. E a nossa empresa de administração de condomínios, até pelo nosso trabalho diário, estamos sempre em contato com decoradores de apartamentos. enter image description here

E assim, reunimos para você 5 dicas super simples para decorar a sua cozinha que vão dar aquele toque todo especial, e melhor, sem gastar muito.

A cozinha deve ser um ambiente bem acolhedor

Quando vamos decorar nossas casas, a cozinha é uma das grandes preocupações. Isso porque as pessoas querem que seja prática e ao mesmo tempo, um lugar onde as pessoas se reúnem com mais frequência.

Você já percebeu que hoje as pessoas buscam por um conceito aberto, onde a cozinha integre a sala de jantar com a de estar.

Assim, enquanto estamos cozinhando, todos estão participando.

Então, se você ainda não sabe como decorar sua cozinha, veja agora algumas dicas que talvez lhe sirvam de inspiração.

5 dicas de decoração para sua cozinha

Como a cozinha é um dos principais cômodos de uma casa, é importante que seja bem equipada, mas também prática e simples.

Além disso, até mesmo por conta de apartamentos menores, é essencial aproveitar todos os espaços, de forma que seja funcional. Confira agora 5 dicas de decoração para sua cozinha:

1 Buscar pela funcionalidade

Até pela correria do dia a dia, a dica é buscar por uma cozinha que seja funcional, onde tudo o que você precisa esteja à mão, assim como eletrodomésticos acessíveis e tudo fácil de limpar.

Por exemplo, um armário perto do fogão com utensílios que você usa diariamente, como panelas e tigelas, ou móveis que não impeçam a circulação.

2Aposte em prateleiras

Dependendo do tamanho da cozinha, aposte em prateleiras, pois assim fica com mais espaço para trabalhar.

E uma outra dica é instalar perto da pia ganchos, onde você poderia pendurar espátulas, peneiras, enfim, itens essenciais em uma cozinha.

3Realce algum item

Para dar um toque diferente, escolha um item que se sobressaia na sua cozinha, como um estofado para as cadeiras mais coloridos ou uma parede com nichos decorativos.

A ideia aqui é continuar com a simplicidade, mas levantar de alguma forma o ambiente.

4Adesivos decorativos

Hoje em dia, existem no mercado vários desenhos de adesivos decorativos, que além de compor muito bem a cozinha, são super fáceis de colocar, e muitos vêm no tamanho certo do azulejo.

De repente, coloque alguns na parede da bancada da pia ou atrás do fogão. Basta escolher um motivo que combine com a sua cozinha. Aqui também vale as pastilhas, que proporcionam mais cor.

5Repagine móveis

Uma outra dica é pegar móveis antigos e dar uma repaginada, e você mesmo pode fazer.

Talvez você tenha uma mesa mais escura, e pode aplicar uma técnica para deixá-la mais clara e com novo visual.

Aqui o que conta é a sua criatividade para transformar móveis antigos em novos e únicos.

Essas foram apenas algumas dicas de decoração para sua cozinha, e podem servir de inspiração para você deixar a sua cozinha com a sua cara e que atenda a tudo o que precisa.